Diga-me o que monitoras que te direi quão eficaz são suas redes

O monitoramento das redes sociais é tão importante quanto ter um perfil atualizado, que responde prontamente aos seus clientes. Os acessos originados de canais fora do seu site são fundamentais para dizer sobre a visibilidade e apontar novos caminhos para o marketing bem planejado. Sabemos que acessos também não dizem tudo sobre a aprovação dos clientes. A análise do comportamento dos usuários com a marca é fundamental para guiar estratégias. É preciso que as empresas entendam que muito mais do que divulgar-se nas redes é importante saber ouvir e relacionar-se com os clientes, pois muitos deles vão dizer nas redes sociais, impressões que eles jamais diriam a uma pesquisa física, quando ganham brindes em troca de respostas.

Existem várias ferramentas e empresas que vendem (e lucram com) esse serviço. Entretanto, as ferramentas gratuitas também tem atendido muito bem essa demanda.

A novidade para muitas pessoas é a possibilidade de monitorar acessos advindos das redes sociais através do Google Analytics. Trata-se de uma ferramenta de monitoramento de tráfego gratuita oferecida pelo Google e com grande aceitação por parte do mercado publicitário. Por ser uma ferramenta completa e de fácil implantação, a ferramenta é muito utilizada o que a fez se tornar um padrão no segmento da web análise. Uma das grandes vantagens dessa ferramenta, que por default já vem com mais de 80 indicadores, é a possibilidade de criação de novas métricas, adaptadas às necessidades específicas de cada usuário, como Filtros e Segmentações Avançadas.

Os acessos a um site vem sempre com o indicativo de onde estava o link que levou o usuário até o site, e assim, o Google Analytics consegue identificar de que site ou mídia social o acesso provem. O problema é que no caso específico das redes sociais, esses links assumem diversos formatos e por isso precisamos de configurações especiais no Analytics.

Não inseriu suas redes sociais na sua análise do Analytics? Vale a pena, pois é possível ainda, comparar acessos originados no site X acessos vindos das redes socais.

Se você não sabe como adicionar essa ferramento no Google Analytics, veja aqui.

Por falar em ferramentas…

A partir de agora, você pode se conectar com os seus antigos colegas de faculdade e cursos de pós-graduação no LinkedIn. O serviço lançou uma nova ferramenta chamada Classmates, que torna mais prática e objetiva as buscas dos nomes por instituições de ensino, através de novos recursos.

O Classmates oferece aos usuários da rede social profissional novas possibilidades para se conectar com colegas de universidade e faculdade, podendo ainda escolher qualquer instituição de ensino superior para verificar onde a maioria dos colegas acadêmicos estão trabalhando, onde vivem, e quais são os seus principais meios de comunicação (telefone, e-mail, redes sociais, etc).

Um case sem querer

Não tem como deixar de mencionar o poema que o banco Bradesco usou para responder o usuário nessa semana.

A ação foi tão bem sucedida, que uma mensagem direcionada a um usuário pautou os principais veículos de tecnologia com uma pauta positiva para o banco.

A empresa ainda saiu como bem posicionada nas redes sociais, personalizando o atendimento com os clientes.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s